Fevereiro 11 2009

 

ass: Buritizeiro/MG Brasil às 20:20

Que beleza de foto. Faça contato, meus pais são de Buritizeiro. Minhas férias eram sempre por aí. Moro em Brasília, Planaltina. Se precisar de ajuda estou por aqui ronierogerio@gmail.com . Abraços
Ronie a 13 de Fevereiro de 2009 às 14:37

Olá! quem modera esse blog?
Estou louca p linka-lo no meu, mas gostaria de sugerir que fosse atualizado sempre, e que a foto de capa poderia ser uma visão do rio por Buritizeiro.
No mais adorei.
Ariadne a 9 de Maio de 2009 às 14:41

Outro maluco, ops. maluca por Buritizeiro. e o moderador cadê? logo, logo... vou começar o blog 'Os Netos de Mílú'. O tema principal será Buritizeiro, até copiei uma foto daqui.
Ronie a 23 de Julho de 2009 às 02:12

O Paredão existe…
Macondo, Canudos, Ítaca e Dublin são lugares remotos e míticos dos livros. Na parte mais desolada do que restou do Grande Sertão, seu vilarejo mais desolado e esquecido, onde a eletricidade só chegou há poucos anos, pode ser equiparado a essas cidades, reais ou imaginarias. E está lá, pra ser visto por quem se aventurar. Nas fotos, o barranco do Rio do Sono que empresta o nome ao lugar.
“E cheguei no Paredão, na derradeira boa-lua da tarde” é como um certo João Guimarães Rosa o introduz na parte final de livro Grande Sertão: Veredas, e é onde se passa a parte final do épico sertanejo, quando chegam o jagunço Diadorim, a moça Maria Deodorina, a morrer de amores por seu chefe Riobaldo e de ódio por Hermógenes, o “cão”. Se quiser conhecer tem de ir depressa porque o pequeno burgo – distrito do municipio de Buritizeiro/MG, pode desaparecer de uma hora para outra engolido pelo oceano de eucaliptos plantados para fazer gusa, papel e carvão.
valmir marques a 10 de Julho de 2010 às 20:50

VI TUDO. MUITA EMOÇÃO. SAUDADE. ABRAÇOS.
GUARACIABA DE CARVALHO a 15 de Março de 2011 às 18:01

mais sobre mim
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


pesquisar
 
blogs SAPO